Jovens clamam por ensino de qualidade na rede pública

Para um futuro de sucesso não estude somente em sala de aula, se esforce em casa e com a ajuda das apostilas Caderno do Aluno tudo ficará mais fácil.

Debaixo de uma árvore e de um calor de 38 graus professores aguardam atendimento do lado de fora da Secretaria e Finanças. Se já não bastasse a greve dos Servidores Públicos Municipais de Gravatá que já passa dos trinta dias, agora é a vez dos funcionários da educação pararem. A publicação foi oficializada na tarde desta sexta-feira (6) pelo Sindicato dos Professores Municipais de Gravatá (SIPROG) através do ofício nº 081/2015.

Se você mora em São Paulo, uma forma que pode te ajudar muito na hora dos estudos é com o Caderno do Aluno 2019.

O documento destaca que durante a assembleia realizada hoje pela manhã a categoria por unanimidade de votos presentes decidiu realizar PARADA DE ADVERTÊNCIA nos dias 06 e 09 novembro pelo atraso no pagamento do mês de outubro do corrente ano. Como a decisão foi tomada hoje, os efeitos da parada de advertência só serão sentidos neste primeiro dia nos turnos da tarde e noite.

Após a assembleia, funcionários se dirigiram ao prédio da Secretaria de Finanças na tentativa e tomar conhecimento da real data para a realização dos pagamentos, tento em vista que as transferências do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação já ocorreram nos dias 10, 20 e 30 do último mês.

A partir das 8 da manhã da próxima segunda-feira (9) a comissão de paralisação do sindicato e demais funcionários da educação marcarão presença em frente a Câmara Municipal de Vereadores.

Deixe uma resposta